Jesus é o Caminho Joio e Trigo

Aprenda a discernir o Joio do Trigo

11:00:00Vinicius Castro

Vamos Começar com a Parábola do Joio e o Trigo:

"Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que 
semeia a boa semente no seu campo; Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, 
e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se.E, quando a erva cresceu e frutificou,
 apareceu também o joio. E os servos do pai de família, indo ter com ele,
 disseram-lhe: Senhor, não semeaste tu, no teu campo, boa semente? Por que tem, então, joio?
E ele lhes disse: Um inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo?
Ele, porém, lhes disse: Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis também o trigo com ele.
Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio,
 e atai-o em molhos para o queimar; mas, o trigo, ajuntai-o no meu celeiro." Mateus 13:24-30.


Esta parábola é muito comum em nosso dia a dia cristão, provavelmente você já ouviu falar sobre ela muitas vezes, mas espero que hoje você receba algo dos céus que nunca tinha recebido ao ouvi-la. 

Vamos então usar a imaginação e pensar na história: Em um belo dia, um homem dono de terras resolveu plantar uma boa semente em seu campo, escolheu o trigo e pôs-se a semear; como tinha trabalhadores, deu-lhes a ordem de terminar aquele serviço. Imagino eu que ao cair da tarde, início da noite, todos já cansados daquele dia de trabalho, foram cochilar um pouco, o que eles não contavam era com um inimigo atento. Enquanto aqueles homens dormiam chegou o inimigo e semeou joio no meio do trigo que tinha sido plantado ali, e fugiu, sem chamar atenção de ninguém. Naquele momento ninguém percebeu nada, mas passando-se os dias a erva cresceu e frutificou, e o joio apareceu. Os trabalhadores ficaram apavorados, sem saber o que fazer, então foram falar com o chefe, que logo percebeu tudo o que havia acontecido e disse muito sabiamente para que esperassem o dia da colheita, pois joio e trigo tem folhas muito parecidas, se arrancassem o joio naquele momento, arrancariam também o trigo e perderiam tudo, mas se esperassem amadurecer completamente, ficaria fácil perceber a diferença entre os dois. Ao chegar o dia da ceifa, a ordem era colher primeiro o joio, amarrá-lo e lançá-lo no fogo, mas o trigo seria separado e abrigado. Nos versículos seguintes (34,35) Jesus explica essa parábola, em que nós, os filhos do Reino, somos a boa semente, o campo é o mundo, o joio são os filhos do maligno que foram semeados pelo diabo (inimigo) e a ceifa é o fim do mundo. Enquanto estamos juntos na terra fica difícil saber quem de fato é sincero quanto à busca, intimidade e vida com Deus. Afinal, a Bíblia diz que muitos curarão enfermos e expulsarão demônios mas não irão para o céu, nenhuma dessas coisas é sinal de que vão ou não ser salvos, mas Deus sabe muito bem quem vai. No fim, os anjos de Deus separarão o joio e o trigo, os que não são dos que são. O joio irá para o fogo, e o trigo irá para o Reino do Pai Celestial, Aleluia! O que me chamou atenção é o crescimento misturado dos filhos de Deus e dos picaretas. Você não acha que Deus poderia simplesmente eliminar todo o joio do nosso meio? Claro que sim! Mas ele resolveu deixar essa separação para o grande dia, mas por quê? Vamos pensar juntos.

Quando você pede paciência Deus te dá paciência ou situações para você ser paciente? Então, o joio entre nós nos trata e nos faz amadurecer como corpo de Cristo. Distinguiremos facilmente os dois tipos de pessoa: 

Joio: O joio faz picuinhas entre os irmãos, quer causar discórdia e divisão. Ele nunca está satisfeito com a igreja, todos sempre estão errados e ele nunca precisa melhorar em nada, ele é autossuficiente. O joio quer os primeiros lugares, o microfone e a “oportunidade” à qualquer custo, o joio “dá dinheiro pra igreja” e não oferta com amor; ele tem um poder de sedução, faz os outros verem demônio onde não tem; ele não gosta de tratar caráter, e não vê atuação maligna onde realmente tem, ele está mais preocupado com outras coisas.
Trigo: O tipo trigo ama demais as pessoas, ele cumpre os mandamentos, mas não age como se fosse melhor por isso. Ele é humilde, peca igual a todos, mas é o primeiro a pedir perdão; ele ama adorar, seja qual for a maneira, ele ora por todos, e por si mesmo; ele quer aprender, ajudar, tem disposição. Ele chora também, mas chora nos braços de Jesus, e não se lamenta em outro lugar que não seja seu quarto, minto, ele tem amigos fiéis, família, pastor, ele só não lamenta mesmo é no Facebook. Ele confia muito em seu amigo Espírito Santo, e é paciente, prefere ouvir a falar, e demonstra Jesus em suas atitudes; ele atrai pessoas pra Jesus! 

Quem você anda sendo? Com quem você se identifica? Joio ou Trigo? 

Vinicius Castro.

Você também vai gostar de:

0 comentários

Fala pra nós o que você achou!

Formulário de contato