2016 Recomeços

RECOMEÇAR

15:00:00Cristão Diferentão por Vinicius Castro

foto: Vinicius Castro

É minha gente, 2015 acabou, estamos na primeira semana de 2016,  estamos recomeçando novamente. E a melhor parte do recomeço dos anos é que não precisamos nos esforçar, se você quiser ou não o ano muda. A parte mais difícil é aproveitar essa mudança de calendário para uma mudança interior, mudança na mente, no corpo, na alma, nos sonhos; nada disso muda no automático, pelo contrário, dá trabalho.  Em dezembro, traçamos as metas para 2016 com alguns projetos não concretizados de 2015 e até uns restinhos de 2014, isso é normal mas, e agora? Como fazer o ano dar certo, seguir em frente e recomeçar?

Não se apavore! Você já fez isso antes.
Todos nós temos experiências de recomeço. A passagem de ano é uma delas, outra é a escolar. Primeiramente você é um bebê lindo que vive bajulado pela mãe 24 horas por dia, então chega o momento em que precisa entrar em uma escolhinha. Primeiro recomeço: aprender a lidar com uma escola. Começamos a pré-escola: mão melecada de tinta, brinquedo por todo lado, soneca, tia; até que chega o momento do primeiro fundamental, ninguém chama mais de tia, agora é professora. Crianças maiores, conteúdos para estudar, menos soneca, menos brincadeiras e quando você já está se acostumando, lá vem o baque! Ensino fundamental II. Recomeçar.

Se você sobreviveu a adolecência você não morre mais!
Nada de brincadeiras, nada de soneca, agora os professores mudam constantemente de salas. Ainda existe aquele ar de bagunça no ar, mas agora ninguém brinca, fazem "sociais", se preocupam em se arrumar e "ficar", tem muita espinha, hormônio e estresse, fica implícito que recreio não cabe mais naquele ambiente, agora é intervalo. Até que chega o Ensino médio e você descobre o que de fato é estresse. Basta ouvir alguém dizer "Eai, já sabe o que quer fazer na faculdade?" e você se sente completamente perdido, não lembra nem mesmo o nome. É amedrontador escolher um caminho para seguir o resto de sua vida... o RESTO de sua vida. Você ouve isso milhares de vezes até chegar o temido vestibular (me arrepio só de lembrar, cruzcredo). Acabou a escola, encerra-se o ciclo, começa outro, vamos recomeçar. 

Salas vazias, circular lotado e R.U
Pode acreditar, já passou o pior. Você escolheu o curso, passou no vestibular e entrou na faculdade. Mas e agora, como se comportar nesse ambiente novo? Para mim foi um momento assustador, foram vários recomeços ao mesmo tempo. Fiz 18 anos, mudei de estado, de região, mudei de hábitos, mudei de rotina, mudei de igreja, e por fim, tive que mudar. O que parecia o fim, foi meu recomeço e hoje eu não me vejo mais na minha outra realidade (outro dia continuo essa história), o que importa é que I SURVIVED e pronto para re-re-recomeçar.

Ei, não vá desanimar!
Olha por quantos ciclos você e eu já passamos. Isso que eu só falei de uma área da vida comum, poderia ter citado outras. O que quero dizer é que você não vai parar de recomeçar nunca, toda manhã é uma nova chance de recomeço. As vezes vai ser doloroso, como alguém que passa por uma separação, ou perde alguém querido, outras vezes mais tranquilo, tanto que você nem vai perceber, como abrir os olhos toda manhã. O que realmente importa é que você se dê conta do tanto de tempo que já perdeu esperando o tempo exato de recomeçar. Agora é a hora, o tempo é esse e não importa se é terça, quarta, quinta: recomece agora, não deixe para amanhã por que ele pode não chegar.

Quantas vezes é possível recomeçar? 
Em 2016 você pode 366 vezes.

Feliz Ano Novo!
Vinicius Castro

Você também vai gostar de:

2 comentários

  1. Há sempre um recomeço,em vários sentidos. As vezes não é muito fácil seja em uma escola nova, ou uma mudança de atitude mas devemos acreditar que nós podemos!

    blogilumiinar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós sempre podemos recomeçar é verdade! Não podemos é ter medo!

      :D

      Excluir

Fala pra nós o que você achou!

Formulário de contato